sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

futebol: Somos e sempre seremos OS MELHORES!

Palavras do Muricy: "Aqui no Brasil, você ganha um campeonato e no dia seguinte tem que ganhar outro campeonato. Eu só vou dizer que Mourinho e Guardiola vão ganhar um 10 quando eles forem trabalhar no Brasil. O dia que eles forem trabalhar no Brasil e ganhar no Brasil, aí vão ser melhores do mundo"

De pleno acordo! Futebol brasileiro é diferente em todos os aspectos. Em que lugar do mundo se vê campeonato tão equilibrado, com emoção até o final?

Sem o saudosismo que é peculiar em minha idade, por ter visto nomes como Pelé (o maior de todos), Ademir, Rivelino, Paulo César Caju e outros tantos que sequer disputaram uma copa, sou contrário à opinião da maioria de que os grandes craques estão na Europa. Aliás, sou tomado como um desconhecedor do futebol, como um “Pacheco” (*). Assumo! Sou mesmo, mas sem falso nacionalismo, como era característico do personagem.

Nosso futebol talvez não tenha o brilho e a organização das ligas europeias. Nossos campos não são como os de lá. Mas nossos jogadores são inquestionáveis. E não falo somente pelo Neymar. Basta observar com mais atenção que temos por aqui jogadores do mesmo nível ou até melhores que Iniesta, Puyol, Abidal e Xavi, entre outros. Messi e Cristiano Ronaldo não chegam a ser inquestionáveis, na minha opinião!

Sim, assumo minha “pachequísse”! Mas é o que penso. Corinthianíssimo que sou, mas amante do futebol brasileiro, quero ver o Santos vencer. Depois os defensores do futebol europeu que não me venham com aquela conversa de que “eles não valorizam” o torneio. Assim ouvi quando o São Paulo venceu o Milan, quando o Corinthians venceu o Real Madrid, no torneio de 2000.